Seja bem vindo(a)!

Que a sua visita seja constante e some muitos prodígios ao blog!

Deixe sua sugestão e/ou sua crítica.



“Esta é uma obra de ficção, qualquer semelhança com nomes, pessoas, fatos ou situações terá sido mera coincidência”.

As figuras utilizadas nas postagens são originárias do google images.


quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Você está disposto a sê-lo?


Ontem, numa entrevista com um aspirante a professor da empresa em que trabalho, conversei bastante e percebo nele um grande potencial. Quase no final, tive uma fala que me fez refletir muito e que resolvi dividi-la com vocês.

"Ser professor é esquecer-se de sua própria veste e vestir a veste do outro. 

É dar mais importância ao "ele" do que ao "eu" naquele momento em que estamos no processo ensino-aprendizagem, respeitando os seus gostos e valorizando suas capacidades e habilidades, não as minhas.

É o poder servir e não se preocupar com ser servido, ficando feliz e pleno com isso.

Ser professor é desprover-se do seu ego e colocar-se a  disposição do outro seja ele criança, adolescente, adulto ou  melhor idade. 

É ter a humildade de dizer ao seu aluno "estou aqui, ao seu lado, para te ajudar" mas, sem a soberba por saber mais do que ele".
....

No final eu perguntei ao aspirante: "Você está pronto para isso?"

Repito a pergunta a mim mesma e a todos os que ensinam o que quer que seja ao seu próximo, afinal, isso serve para todos aqueles que estão vivos ou mortos, pois, mesmo em mortalha ensinamos  algo a alguém..."Você está pronto para isso?"


Bia Fernandes

terça-feira, 6 de agosto de 2013

Triste dia


Não consigo entender as pessoas! Nunca estão contentes com nada, e, quando estão, não sabem porque estão e nem sequer dão valor à alegria.
Se você faz algo é porque você faz. Se você não faz é porque você não faz.
As pessoas não cumprem com os acordos e ainda, quando você as lembra sobre tal dizem que não combinaram nada. Muitas delas  se lembram que algo fora dito, mas não sabem o que, pois, simplesmente não prestaram atenção ou ela estava voltada para outro ponto.
O que está acontecendo com as pessoas? Estão se automatizando tanto que estão esquecendo  de tudo e, muito pior, de todos.
É, a cada dia que passa temos mais a certeza do que nossos avós diziam:
- Deixe tudo combinado sim mas o acordo deve estar fixado preto no branco para que não surjam dúvidas.
Prefiro pensar que este é somente um dia equivocado do calendário e que a melancolia é somente um  abrilhantador da poesia.


Bia Fernandes