Seja bem vindo(a)!

Que a sua visita seja constante e some muitos prodígios ao blog!

Deixe sua sugestão e/ou sua crítica.



“Esta é uma obra de ficção, qualquer semelhança com nomes, pessoas, fatos ou situações terá sido mera coincidência”.

As figuras utilizadas nas postagens são originárias do google images.


terça-feira, 22 de julho de 2014

Tire o pó...se precisar



Não deixe suas panelas brilharem mais do que você!!!!
Não leve a faxina ou o trabalho tão a sério!
Pense que a camada de pó vai proteger a madeira que está por baixo dela!
Uma casa só vai virar um lar quando você for capaz de escrever “Eu te amo” sobre os móveis!
Antigamente eu gastava no mínimo 8 horas por semana para manter tudo bem limpo, caso “alguém aparecesse para visitar” – mas depois descobri que ninguém passa “por acaso” para visitar – todos estão muito ocupados passeando, se divertindo e aproveitando a vida!
E agora, se alguém aparecer de repente?
Não tenho que explicar a situação da minha casa a ninguém…
…as pessoas não estão interessadas em saber o que eu fiquei fazendo o dia todo enquanto elas passeavam, se divertiam e aproveitavam a vida…
Caso você ainda não tenha percebido: A VIDA É CURTA… APROVEITE-A!!!

Tire o pó… se precisar…

Mas não seria melhor pintar um quadro ou escrever uma carta, dar um passeio ou visitar um amigo, assar um bolo e lamber a colher suja de massa, plantar e regar umas sementinhas?
Pese muito bem a diferença entre QUERER e PRECISAR !

Tire o pó… se precisar…

Mas você não terá muito tempo livre…
Para beber champanhe, nadar na praia (ou na piscina), escalar montanhas, brincar com os cachorros, ouvir música e ler livros, cultivar os amigos e aproveitar a vida!!!

Tire o pó… se precisar…

Mas a vida continua lá fora, o sol iluminando os olhos, o vento agitando os cabelos, um floco de neve, as gotas da chuva caindo mansamente….
- Pense bem, este dia não voltará jamais!!!

Tire o pó… se precisar…

mas não se esqueça que você vai envelhecer e muita coisa não será mais tão fácil de fazer como agora…
E quando você partir, como todos nós partiremos um dia, também vai virar pó!!!
Ninguém vai se lembrar de quantas contas você pagou, nem de sua casa tão limpinha, mas vão se lembrar de sua amizade, de sua alegria e do que você ensinou.

AFINAL:

“Não é o que você juntou, e sim o que você espalhou que reflete como você viveu a sua vida.”

(Autor desconhecido )

Espero




Em teus olhos vejo a luz que me ilumina, o sol que me aquece e a promessa de um amor eterno. 
Bia Fernandes

sábado, 5 de julho de 2014

60 anos - Bodas de Diamante ou um segundo de união.



Esta é uma homenagem aos  casais que fazem 60 anos de casamento, as Bodas de Diamante, e àqueles casais que estão a apenas um segundo do famoso "sim", englobando todos os outros casais dentre essas datas temporais.

Qual é a diferença entre todos esses casais? São muitas. O tempo, o espaço, o contexto vivido, as famílias deixadas, as assumidas e as formadas.

As religiões e as religiosidades, as crenças, os níveis de instrução, os preceitos e preconceitos, os níveis de instrução, sócio econômicos, culturais e tantas outras fragmentações impostas pela sociedade não interferem em nada no que diz respeito ao amor. Sim, o amor. Exprimo aqui não acerca do amor Eros, que é regido pela paixão, pela plástica, pelo sexo, pelo desejo e pelo dinheiro. Também não falo sobre o amor Phyllos que é aquele amor protetor, entre amigos e familiares. Falo do amor ágape, aquele que ama incondicionalmente, aquele que torna a soma de duas pessoas uma Graça Divina. Graça esta nos dada pela benção do Senhor onde nos é colocado que deixaremos nossos pais e nossas mães e juntos, seremos um só ser. Não é você e o outro formando dois. É você e o outro formando um único ser.

Claro, cada qual tem suas capacidades, gostos, diversidades e peculiaridades que devem ser respeitadas mas, o amor que os une os torna, ao mesmo tempo seres fragmentados e ligados . O que prepondera nesse relacionamento é o respeito e a abnegação do egoísmo. O egoísmo faz parte do amor Eros, aquele descrito logo acima em poucas palavras. Volto a proferir que trato aqui do amor ágape, que é o amor que liberta. Quem ama liberta, quem ama educa, quem ama não adoece, já nos fala Roberto Shinyashiki. Quem ama quer ver o Ser amado liberto. Todo o resto é amor de posse, ou seja, possuir o ser amado como um objeto.

Parecem fortes estas palavras e você que as achou forte está coberto de razão. Elas assim o são. Palavras fortes também foram ditas por um certo senhor que as colocava com grande sabedoria. Ele dizia que " se fores feliz em seu casamento, bom para você, mas, se fores infeliz, bom para você, pois, foste tu que escolhestes o teu par".

Não nos unimos ou nos casamos somente com as qualidades do nosso ser amado. Casamos também com os defeitos e, já comprovado pela literatura científica, com o tempo, os seres humanos ficam ranzinzas ( na linguagem popular) e os defeitos começam a se exacerbar tanto que as qualidades, que antes nos faziam encher as vistas, acabam por se tornar minúsculas.

A cada dia que passa, já que envelhecemos a cada segundo, se refletirmos um pouco, notamos mais a sabedoria de Deus e nos enunciamos sobre a criação do ser humano com somente uma boca e dois ouvidos. Indireta bem direta de nosso Criador que, se vista pelo âmbito das entrelinhas, tiramos uma bela lição. Pare de falar e ouça. Dialogue. A sua verdade não é a única e a do ser amado também não é.  Um caminho tem duas fases: a ida e a volta.

Na hora de uma discussão, metade da fala é sua e metade da culpa do motivo da discussão também. A outra metade é de seu parceiro, mas cuidado!  Não se permita submeter-se ao outro esquecendo-se de você. Não submeta-se ao amor de posse  pois ele destruirá você e a todos os que forem alvo de sua possessão. 

Permita-se amar ao Senhor e peça que Ele te ensine a amar o outro como a você mesmo. O que você quer para você não é tudo de bom? Pois é, queira isso para o outro também. Ame o seu amor assim, com carinho, compaixão e admiração, mas acima de tudo, com respeito.

Que o amor de vocês possa sobreviver ao mundo e que possamos receber a Graça da Paz do Senhor.

Parabéns casal e que o Senhor abençoe a vossa casa.


Bia Fernandes