Seja bem vindo(a)!

Que a sua visita seja constante e some muitos prodígios ao blog!

Deixe sua sugestão e/ou sua crítica.



“Esta é uma obra de ficção, qualquer semelhança com nomes, pessoas, fatos ou situações terá sido mera coincidência”.

As figuras utilizadas nas postagens são originárias do google images.


segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

AVC




AVC

Era um sábado de manhã.
O homem, de 83 anos, acordou bem, vestiu-se e, como de costume, fora preparar o café da manhã. Defronte a pia da cozinha, pegou a xícara branca de asa comprida e esta, escorregou de sua mão. Pensou que ainda estava sonolento e por isso, deixara-a cair. Tornou a pegá-la, agora com as duas mãos, e encheu-a de café. Bebericou e percebeu que o líquido não estava com o mesmo sabor.
Dado um tempo, viu-se no leito da UTI de um hospital e diagnosticado vítima de um AVC.

Era uma segunda feira.
A mulher, de 33 anos, acordou, tomou seu desjejum, aguou as plantas do jardim, verificou a agenda de trabalho. Ligou o chuveiro e ficou sob ele, ensaboando-se. Notou que seu braço direito estava fadigado, sem força.  Continuou a banhar-se e, quando fora se enxugar notou certo formigamento em sua perna direita. Sentiu-se estranha e fora, dirigindo, ao Pronto Socorro.
Entrando na recepção logo fora colocada em uma cadeira de rodas e levada para a UTI. Diagnóstico: AVC.

Era uma terça feira.
A mulher, de 35 anos, saiu para a sua caminhada e sentiu sua perna fraca. Mesmo percebendo que não estava rendendo, terminou seu percurso. Adentrando em casa, notou que essa panturrilha fadigada também estava com formigamento. Não deu importância e seguiu o seu dia.
À noite, notou que seu braço também formigava. Fora ao hospital e disseram que era uma distensão na panturrilha e deram antiinflamatórios para ela tomar. No dia seguinte, além da perna e do braço fadigados, sua língua estava formigando. Voltou ao hospital e fora diagnosticada: AVC.

Pois bem, estes são relatos reais, de pessoas reais, de vidas reais, acometidas de um mesmo mal subido: o AVC – Acidente Vascular Cerebral.  Um quadro clínico totalmente sutil em seus sintomas, mas, devastador em seu resultado.

Procure se informar mais, conhecer melhor e inteirar-se desse e de outros maus súbitos.

Bia Fernandes





http://www.associacaoavc.pt/Informacao/Menu1/Page1.php

Nenhum comentário:

Postar um comentário